BERGAMACIA

Também conhecida por: Bergamasca, Bergamasker, Gigante di Bergamo.

A Bergamácia é originária da Itália. É uma raça de lã grossa e curta. Embora seja considerada como produtora de carne, sua alta produção de leite indica que pode ser explorada como uma raça leiteira. Apresenta o temperamento dócil, sendo um animal fácil de manejar.

As ovelhas possuem grande aptidão leiteira, sendo seu leite usado na fabricação de queijo gorgonzola. São animais pouco exigentes quanto à alimentação vivendo com facilidade nos campos secos da região Nordeste do Brasil.

Seus cordeiros apresentam rápidos desenvolvimentos, alcançando no primeiro mês de vida o peso de 12 quilos. Com 18 a 24 meses chegam a atingir com cerca de 130 a 140 quilos, oferecendo um rendimento de 65 a 70 quilos de carne por cabeça.

Características:

» São ovinos de grande porte, cabeça grossa e grande; mais ou menos proporcional ao corpo; fronte e face cobertas por uma lã densa e curta, que se estende às vezes até o nariz; a fronte é estreita, saliente; perfil convexo; orelhas largas, grandes e pendentes para o lado da cabeça;
» Pescoço comprido; corpo cilíndrico, tendo, porém, peito pouco profundo, tórax estreito; tronco comprido;

» Garupa caída; lombos curtos;

» Cascos escuros.

A lã é de coloração branca, de espessura média, bem ondulada, cobrindo todo o corpo com exceção da cabeça e extremidades. A lã é de qualidade inferior e as peles são exportadas.